Alimentos antioxidantes: conheça os principais benefícios

Eles eliminam as toxinas do organismo, deixam a pele, unhas e cabelos mais bonitos, além de serem essenciais para prevenir diversas doenças

Alimentos antioxidantes: O dia tem apenas 24 horas! Quando este período não é suficiente para a sua rotina, é comum o consumo de alimentos rápidos e com baixo valor nutricional, como os fast-foods, por exemplo.

- Publicidade -Solicitar Cotação!

Com a ingestão deste tipo de alimento, vêm junto as toxinas, altamente prejudiciais ao organismo.

Para combater essas toxinas, é essencial inserir em seu cardápio diário alimentos ricos em antioxidantes.

O que são alimentos antioxidantes?

São alimentos que contêm substâncias capazes de retardar ou diminuir a oxidação no organismo.

A função dos antioxidantes é proteger as células saudáveis do corpo contra a ação oxidante dos radicais livres.

Radicais livres

Eles são importantes para o equilíbrio do corpo, porém, em excesso desequilibram o funcionamento do organismo e oxidam células boas.

Assim, os radicais livres também excluem nutrientes fundamentais para a manutenção da saúde e da imunidade.

O aparecimento de diversas doenças crônicas – como hipertensão, Alzheimer e diabetes – estão associadas à intensificação desse processo.

Principais benefícios

Ao eliminar os radicais livres, os alimentos antioxidantes auxiliam na manutenção da pele, da vitalidade, atrasam o envelhecimento, eliminam toxinas indesejadas e preservam o organismo equilibrado.

Os antioxidantes são encontrados nos alimentos naturais, vitaminas e minerais, entre outros.

Por isso, é importante estar atento aos alimentos que você consome para aproveitar todos os seus benefícios.

Confira os principais compostos antioxidantes presentes nos alimentos e inclua-os no seu cardápio para ganhar mais saúde e qualidade de vida.

Confira também:  Alimentos frescos: 10 motivos para consumir alimentos frescos

Carotenoides

Os carotenoides atuam como antioxidantes no corpo humano. O licopeno, a luteína e o betacaroteno pertencem a esse grupo e são responsáveis pela coloração amarela, vermelha e laranja das frutas e verduras.

Eles colaboram no fortalecimento da imunidade do organismo e quanto mais forte a coloração, maior a concentração de carotenoides.

Entre as fontes de carotenoides estão: cenoura, tomate, maracujá, manga, frutas vermelhas, damasco, beterraba, batata-doce, mamão, abóbora e pitanga.

Compostos fenólicos

Trata-se de um grupo de compostos químicos de plantas com propriedades antioxidantes. Entre eles estão os flavonoides, isoflavonas, curcumina, lignanas e taninos.

Quase todas as frutas, verduras e ervas possuem um pouquinho de flavonoides em sua composição. Eles também podem ser encontrados em outras fontes alimentares, incluindo grãos, chás, vinhos tintos, feijões secos e chocolates.

Leite de soja, tofu e missô são fontes de isoflavonas. Já a curcumina é encontrada na mostarda e no açafrão.

As lignanas estão presentes nas sementes de linhaça e outros grãos. Por fim, os taninos fazem parte da composição de chá verde e chá vermelho.

Polifenois

Os principais integrantes do grupo de polifenois são os flavonoides e o resveratrol, que podem ser encontrados em alimentos como: canela, azeite, alface roxo, chocolate, couve, orégano, vinho tinto, espinafre, nozes e cravo.

Resveratrol é um poderoso antioxidante capaz de reduzir os níveis da pressão arterial e elevar o colesterol HDL (colesterol bom).

Confira também:  8 hábitos para conquistar uma vida saudável

Selênio

Mineral encontrado no solo, o selênio é essencial para manter o bom funcionamento do sistema reprodutivo e imunológico, além de ser importante no processo do uso de iodo pela tireoide.

Entre as fontes de selênio estão: peixe, castanha-do-pará, carne vermelha, ovos, mariscos e gérmen de trigo.

Vitamina C

Muito importante para o funcionamento e processos de cura dos tecidos (como a formação do colágeno), a vitamina C é um antioxidante encontrado em diversos alimentos.

Dentre as principais fontes de vitamina C, estão as frutas cítricas (laranja, limão, abacaxi), as frutas vermelhas (morango, framboesa, amora) e as verduras (espinafre, couve).

A vitamina C colabora com a absorção do ferro pelo organismo, nutre e protege as células de danos causados pelos oxidantes.

Vitamina E

Todas as células do corpo possuem uma camada fina de gordura suscetível ao ataque de radicais livres.

A vitamina E é fundamental na proteção do corpo contra reações oxidantes envolvendo gordura, pois evita danos e mantém a integridade da célula.

Nozes, avelã, óleo de peixe, sementes e óleos vegetais estão entre as boas fontes desta vitamina.

Mais saúde

Agora que você já sabe o que são alimentos antioxidantes e quais os seus principais benefícios, que tal incluir mais cor, sabor e saúde nas suas refeições?

Comece excluindo alimentos industrializados e processados do seu cardápio, inicie mudanças significativas no seu estilo de vida, varie o consumo de alimentos ricos em antioxidantes e ganhe mais saúde.

Confira também:  Alimentação saudável: Alimentar-se bem é um estilo de vida

Para entender mais sobre alimentos antioxidantes, quais são os mais indicados para a sua dieta e seus principais benefícios, é importante consultar um médico especialista ou nutricionista.